© 2018 - Consominas Engenharia Ltda.

  • Facebook Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Consominas

Consominas firma parceria com Fundação de Parques Municipais e Zoobotânica de Belo Horizonte-MG

O programa de Comunicação e Educação Ambiental na Bacia Hidrográfica da Pampulha, executado pela Consominas, ganhou uma importante parceria com a Fundação de Parques Municipais e Zoobotânica de Belo Horizonte-MG. Ambos farão atividades de Educação Ambiental a partir de Janeiro de 2019 em pelo menos 6 parques da capital mineira: Parque Cássia Eller, Parque Ursulina de Andrade Mello, Parque Ecológico da Pampulha, Parque do Confisco, Parque Vencesli Firmino da Silva e Parque Elias Michel Sarah.


Envolvimento de escolas e população


O objetivo das atividades é envolver escolas e população residente na Bacia Hidrográfica da Pampulha em discussões sobre o Meio Ambiente e a importância dos parques municipais como espaços de aprendizado. As ações devem incluir circuitos de percepção ambiental, oficinas de plantio e dinâmicas relacionadas à fauna e flora nativas da região. Visitas ao Zoológico de Belo Horizonte-MG também estão sendo avaliadas como parte do cronograma de trabalho.

Legenda: Equipe da Consominas em reunião com a Gerente de Educação Ambiental da Fundação de Parques Municipais e Zoobotânica de Belo Horizonte-MG, Nadja Simbera.


Execução do Programa


O Programa de Comunicação e Educação Ambiental na Bacia Hidrográfica da Pampulha também envolve instituições como Centros de Referência de Assistência Social, associações, ONG’s e comunidades da região. O Programa faz parte do projeto de Monitoramento Ambiental executado pelo Consominas e realizado pela Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura (SMOBI) e Superintendência de Desenvolvimento da Capital (SUDECAP).


A Consominas deu início às atividades do projeto em Agosto de 2018 e também produz estudos, coleta de dados e avaliação sistemática de variáveis ambientais dos empreendimentos que atuam na Lagoa da Pampulha. Os empreendimentos monitorados executam dragagem, com retirada de sedimentos do fundo da Lagoa, e recuperação da qualidade da água. O projeto da Consominas segue até o ano de 2022.


Assine a nossa newsletter e acompanhe todas as atividades de Educação Ambiental realizadas na Bacia da Pampulha.


Jornalista: Míriam A. S. Almeida

21 visualizações