• Consominas

Expansão e preservação da Estação Ecológica de Fechos (EEF) serão debatidas em Fórum em BH



O debate sobre uma das principais Unidades de Conservação (UC) da região metropolitana de Belo Horizonte‐MG está marcado para o dia 27 de fevereiro. Nessa data, empresas, movimentos sociais, instituições, poder público e população em geral irão se reunir na Escola do Legislativo da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) para discutir a expansão e a preservação da Estação Ecológica de Fechos (EEF).


A EEF está localizada em Nova Lima‐MG e na porção Sul da Serra do Espinhaço, uma área reconhecida como Reserva da Biosfera pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO).


A região abriga mananciais como o Córrego Fechos que, junto com o Córrego Mutuca,

abastecem cerca de 135 mil habitantes de Nova Lima e região Centro‐Sul de Belo Horizonte. Além disso, já foram registradas no local pelo menos 56 espécies de aves, 54 de mamíferos, 34 de insetos e 34 de anfíbios, muitas delas ameaçadas de extinção, endêmicas ou exóticas.


Apesar da rica biodiversidade e dos recursos hídricos ali presentes, a EEF sofre ameaças externas que impactam a sua preservação. Entre elas, expansão urbana acelerada e áreas de mineração no entorno; lançamento clandestino de esgoto em cursos d’água da região; despejo de lixo; trânsito de veículos off road e de motocicletas; prática de mountain bike e trekking; rompimento de cercas; extração ilegal de plantas; queimadas; e invasão de animais domésticos.


Diante do desafio de preservar a EEF, o Projeto de Lei nº 444/2015 tramita na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) visando a sua expansão em 269,5 hectares. A Estação Ecológica de Fechos possui, atualmente, 602,95 hectares e é classificada como Unidade de Conservação de Proteção Integral, ou seja, destinada à preservação da natureza e à realização de pesquisas científicas.


O debate sobre a EEF vai ocorrer durante o Fórum Intermediário do projeto “Fechos, Eu Cuido!” que é uma realização do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas e do Subcomitê de Bacia Hidrográfica Águas da Moeda. A execução é feita pela Consominas com apoio técnico da Agência Peixe Vivo.


O projeto prevê ações de Comunicação e Mobilização Social e Comunitária em torno da importância hídrica da Estação Ecológica de Fechos e da sua expansão. O seu financiamento tem origem na cobrança pelo uso da água na Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas.


SERVIÇO

DATA: 27/02/2019 (Entrada gratuita)

HORA: 8:00hs às 12:00hs

INSCRIÇÕES: tinyurl.com/forumintermediario

LOCAL: Escola do Legislativo ‐ ALMG (Avenida Olegário Maciel, 2161, Lourdes, Belo Horizonte‐MG)

INFORMAÇÕES

CBH Rio das Velhas: www.cbhvelhas.org.br

SIGA: www.siga.cbhvelhas.org.br

Facebook: www.facebook.com/projetofechos

Instagram: www.instagram.com/projetofechos

Blog: www.consominas.com.br/blog

Whatsapp: (31) 98332‐8773

44 visualizações

© 2018 - Consominas Engenharia Ltda.

  • Facebook Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube Social  Icon