© 2018 - Consominas Engenharia Ltda.

  • Facebook Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Consominas

Estação Ecológica de Fechos está localizada em área reconhecida como Reserva da Biosfera pela UNESCO

A Estação Ecológica de Fechos (EEF) é uma Unidade de Conservação de Proteção Integral com localização privilegiada na Região Metropolitana de Belo Horizonte-MG. A área está inserida na porção Sul da Serra do Espinhaço. E toda a Serra do Espinhaço é reconhecida pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) como Reserva da Biosfera. Essa classificação é dada a áreas internacionalmente admitidas no programa “O Homem e a Biosfera” que tem como objetivos a conservação da biodiversidade; o desenvolvimento sustentável; a pesquisa científica; a educação; e o monitoramento.

Legenda: Trecho da Estação Ecológica de Fechos (EEF). Crédito: Evandro Rodney/IEF.


Em todo o mundo, existem 669 Reservas da Biosfera distribuídas em 120 países. O título de reserva constitui um importante instrumento para a gestão integrada e participativa da área ao prever um Conselho Deliberativo que inclui Governo e Sociedade Civil. No Brasil, o Programa “O Homem e a Biosfera” é presidido pelo Ministério do Meio Ambiente.


UTE Águas da Moeda


A EEF também está inserida na Unidade Territorial Estratégica (UTE) Águas da Moeda, uma das 23 UTEs que fazem parte da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas. Essa UTE inclui os municípios de Itabirito, Nova Lima, Raposos, Rio Acima e Sabará, todos no Estado de Minas Gerais. A população total nessa região é de cerca de 89 mil habitantes.

Apesar da localização privilegiada em termos ambientais, a EEF também se encontra envolta por grandes empreendimentos minerários na região do Quadrilátero Ferrífero e expansão imobiliária crescente no município de Nova Lima-MG, fatores que impactam na preservação da Unidade de Conservação.


Assine a nossa newsletter e entenda como um projeto hidroambiental em vigor atualmente tem contribuído para as discussões envolvendo a Estação Ecológica de Fechos (EEF).


Jornalista: Míriam A. S. Almeida

95 visualizações